PREFEITURA DE CHORROCHÓ ARTICULA PARCERIA COM ONG’s E LEVA MUTIRÃO DE SAÚDE AO POVOADO DO SÃO JOSÉ

0

As Organizações Não Governamentais (ONG’s) Seja Semente e Por1Sorriso, em parceria com a Prefeitura de Chorrochó, por intermédio da Secretaria Municipal de Saúde promoveram um grande mutirão de atendimento no Povoado de São José. Na ocasião foram atendidas centenas de pessoas que entre os dias 16 a 20 de março se deslocaram de varrias comunidades rurais até a sede do povoado para submeterem a consultas e exames inteiramente  gratuitos. Os  serviços ofertados foram das mais diversas especialidades,  como: clinica geral, ginecologia,  pediatria, infectologia, odontologia e exames como: preventivos, clínicos geral, epidemiológico, radiologia. Uma das especialidades mais concorridas foi a de odontologia que contou com a participação de cirurgiões buco, endodontista, odontopediatra e periodontista Foram realizados serviços de canal, extração, restauração, próteses e limpeza.O prefeito Humberto Gomes e a primeira dama Ivone Eunice estiveram visitando o mutirão e ficaram satisfeitos com o atendimento e a satisfação do povo que foram atendidos.

Prefeito Humberto Gomes ao lado dos profissionais de saúde da ONG,Vereadores Darlan e Joelson,Secretária Sheila visitando o Povoado do São José.

A Secretária municipal de saúde Sheila Araújo destacou a importância do mutirão afirmando que parcerias como estas devem ser mais frequentes no município,  pois o município é carente e as pessoas necessitam desses serviços.  Destacou também que o apoio do prefeito Humberto foi decisivo para que o evento acontecesse e tivesse o sucesso que teve.

Trabalho voluntário não é coisa de gente santa. Não é para quem quer mudar o mundo ou ser bem visto. Trabalho voluntário é para quem quer mudar a si mesmo e está disposto a aprender por meio do contato com novos mundos. É uma excelente ferramenta de empatia, onde o aprendiz ensina mais que o professor. Voluntariar é transbordar de tanto aprendizado e gratidão, é superar dores e desafios inimagináveis, porque vê na história do outro as bênçãos da própria vida. A nossa maior ligação é humana, feita de respeito e gentileza. Onde existem voluntários, existe a mistura das cores, das classes, das crenças e de passados. A curiosidade pelo outro alimenta a nossa alma sedenta por sentimentos reais! Voluntariar é doar amor para curar a dor do outro, e sem saber, descobre que esse é o remédio para curar a nossa própria. O trabalho voluntário já me permitiu acesso a mundos proibidos: corações de monges, sonhos de monjas, perdas de refugiados, dores de presos políticos e a esperança que mora em sorrisos. Em todos esses mundos eu encontrei um olhar de gratidão profundo, desses que desconstroem quem achávamos que éramos e faz renascer quem realmente queremos ser nesse mundo!!ONG’s”Seja Semente /Por 1 Sorriso
Compartilhar...